Domine as Técnicas de Vendas Online para E-commerce em 2023

Meio a disputa acirrada entre lojas virtuais, é fundamental aprender as principais e mais poderosas técnicas de vendas online para e-commerce em 2023.

Em um mundo do comércio digital em constante evolução, para se ter sucesso daqui para frente é essencial dominar as técnicas de vendas online para e-commerce.

No guia de hoje, iremos adentrar no mundo das mais poderosas estratégias de venda para e-commerce, onde as principais referências de lojas virtuais do mundo usam e conseguem ter sucesso, ficando a frente da concorrência.

As Fundamentais Técnicas de Vendas Online para E-commerce

Antes de aprendermos as principais técnicas de vendas online para e-commerce, precisamos entender um pouco sobre a jornada do cliente.

Cada cliente se encontra em um momento específico de funil de vendas, que está ligado 100% ao estágio da mentalidade de compra do consumidor.

O funil de vendas serve para identificar a mentalidade atual do cliente, fazendo com que as suas metologias de venda para e-commerce sejam mais assertivas.

Um funil de vendas é feito de 3 etapas, vamos conhecê-las:

Topo de Funil

Vamos colocar em pauta um exemplo clássico, buscando o melhor entendimento do funil de vendas.

Digamos que você possui uma loja de roupas e vende moda feminina.

Na fase de topo de funil, os usuários, futuros clientes, estarão procurando na internet tendências da moda, ou algum tipo de inspiração para o seu estilo pessoal.

Um exemplo interessante seria quando um usuário pesquisa no Instagram por “tendências de moda para primavera em 2023”.

Você precisa entender que alguns dos seus futuros clientes podem estar neste estágio, sabendo disto, agora você precisa agir com base nessas informações.

  • Dica: crie conteúdo visualmente atraente, fazendo postagens interessantes sobre a moda do momento, faça artigos de blog falando sobre o tema e atraia a atenção dessas pessoas que buscam uma inspiração de moda.

Meio de Funil

Continuando nosso exemplo de loja de roupas online, como uma maneira prática de aprender técnicas de vendas online para e-commerce, vamos tratar agora do meio de funil.

No topo, a consciência do cliente está mais longe da aquisição do produto, já no meio do funil o cliente já está ciente do seu problema e ele está mais próximo de tomar uma decisão.

Neste estágio o cliente já possui um relacionamento com a marca, ele pode ser o seu seguidor nas redes sociais ou até acompanhar os seus conteúdos do blog.

Este cliente pode até ter pesquisado as coleções de roupas que você possui na sua loja e até deve ter considerado quais modelos de roupa mais o agradam para adquirir.

  • Dica: aplique estratégias de e-mail marketing, mostrando as suas últimas coleções e realize promoções exclusivas para quem assina a sua newsletter, além de fornecer algumas das suas melhores avaliações de clientes durante os e-mails, fortalecendo a sua comunicação e criando um laço de confiança.

Topo de Funil

Este é o momento em que os clientes estão prontos para comprar.

Eles já sabem o que querem, já devem ter adicionado algumas vezes itens ao carrinho e pode até ter iniciado um processo de checkout no seu e-commerce.

  • Dica: busque sempre, facilitar o seu processo de compra, torne o checkout enxuto e limpo, até o momento em que o cliente efetua a compra de fato no seu site. Verifique os maiores competidores do seu nicho e veja como eles atuam no processo de compra, use isso para se basear e tente replicar da melhor forma no seu e-commerce.

Não esqueça de manter informações de entrega, prazos e políticas de devolução claras, inclusive, isso faz parte da lei do e-commerce e é necessário manter visível de qualquer forma.

Dica Final: Compreendendo Melhor o Funil de Vendas

Assim como no exemplo da loja de roupas que criamos, o funil de vendas pode ser aplicado em qualquer negócio online.

Ele representa as etapas em que o cliente se encontra, antes de efetuar uma compra na sua loja virtual.

A ideal núcleo é nutrir o relacionamento certo ao longo da permanência do cliente no seu negócio, oferecendo conteúdos que agreguem valor para o momento certo do cliente.

Existe uma frase do Steve Jobs, muito interessante, que envolve funil de vendas, confira:

“As pessoas não sabem o que realmente querem, até que mostremos a elas”.

Steve Jobs

Por isso, peque a frase do Steve Jobs e reflita, isso ajudará a você criar, ao longo do tempo, as estratégias certas de conteúdo informacional.

Prendendo a atenção do seu cliente e gerando o gatilho mental mais poderoso para as vendas, a segurança que o cliente precisa para confiar em você.

10 melhores estratégias de vendas online para e-commerce

10 Técnicas Poderosas de Vendas Online para E-Commerce

As técnicas de vendas online para e-commerce podem mudar o jogo do seu negócio, conseguindo aprimorar a forma como você vende e lida com seu cliente.

Preparamos as 10 mais poderosas técnicas de vendas online para e-commerce e vamos dividi-las com você, de um jeito simples e prático, para que você possa aplicar ainda hoje no seu negócio, confira:

1. Otimização de Páginas de Produto

A descrição de produtos é uma parte vital para ter sucesso no posicionamento dos seus produtos no Google, além disso, a descrição detalhada, ajuda o cliente a escolher você no lugar de outro site competidor.

Use imagens bonitas, com qualidade e coloque informações claras dos produtos, isso incentiva a compra por parte do cliente.

  • Exemplo: caso você trabalhe com a venda de roupas, uma página de produto otimizada, significa ter boas fotos em vários ângulos da peça de roupa, incluindo informações sobre tamanhos disponíveis e cores. Além de uma descrição atraente do produto, única e original.
  • Dica prática: faça testes A/B, buscando determinar o layout certo, além das informações mais importantes e eficazes em suas páginas de produto.

2. Marketing de Conteúdo Estratégico

Crie conteúdo relevante, informativo, que envolve o seu cliente, o conteúdo precisa educar os usuários sobre seus produtos, forneça valor para eles.

  • Exemplo: se você possui um blog (se não deveria), poderá criar conteúdos para blog sobre as principais tendências de moda, dando dicas de estilo e combinações de roupas específicas.
  • Dica prática: publique de forma consistente no seu blog, mantenha dias específicos para as publicações, se possível faça conteúdo todos os dias e promova este conteúdo nas redes sociais e através da sua newsletter.

3. SEO Eficiente

As técnicas de SEO para E-commerce são cruciais, elas fazem a total diferença no posicionamento do seu site nos mecanismos de busca.

SEO é uma sigla que significa: otimização para os mecanismos de busca, em inglês (Search Engine Optimization).

O SEO melhora a visibilidade da sua marca na internet, posicionando melhor o seu site no Google, por exemplo, quando um cliente pesquisar por um termo que envolve seu negócio, ele encontrará a sua empresa e não o concorrente.

As técnicas de SEO são uma das formas mais rentáveis, sólidas e poderosas de ter sucesso na internet, conseguindo atrair mais tráfego orgânico qualificado, pessoas loucas para comprar produtos e serviços na internet.

  • Exemplo: pesquise palavras-chave que rodeiam o seu nicho, dando importância para as palavras-chave que são mais importantes agora. Isso irá otimizar as páginas do seu site.
  • Dica prática: mantenha sempre atualizado o seu site, atualizando sempre para as práticas de SEO, se atualize sempre, pois os mecanismos de busca estão se atualizando a cada momento, você precisa acompanhar essas alterações.

Caso precise de ajuda, conte com nosso apoio, temos mais de 7 anos de mercado e já fizemos milhares de e-commerces saírem do zero para o sucesso em poucos meses de trabalho.

Acesse nossa página de serviço de SEO para E-Commerce e obtenha uma cotação personalizada para o seu negócio, além de uma consultoria gratuita de SEO.

4. Remarketing e Retargeting

Outra técnica que deve ser alinhada com as técnicas de SEO ensinadas anteriormente são o Retargeting e o Remarketing.

Essas são técnicas usadas em anúncios patrocinados, direcionando a sua marca para alcançar os clientes que visitaram o seu site, mas não compraram.

Essa é uma excelente forma de divulgação de produtos para clientes que já visitaram o seu site antes.

  • Exemplo: um cliente visualizou uma camisa na sua loja de roupas online, saiu do site e depois ele vê um anúncio da mesma peça de roupa em seu feed, durante o acesso de uma rede social.
  • Dica prática: segmente os seus anúncios de retargeting com base no comportamento dos usuários, use como base de informações as páginas visitadas do seu site ou produtos visualizados.

5. Programas de Recompensas e Fidelidade

Os programas de recompensas e de fidelidade conseguem reter os clientes na sua marca, tornando-os fãs do que você oferece.

Dando este incentivo a mais, os clientes prendem a atenção para o seu negócio, afinal de contas eles já confiam na sua marca, acham os preços interessantes e ainda podem ganhar descontos e recompensas ao continuar comprando com você.

  • Exemplo: ofereça um programa de fidelidade onde o cliente terá 10% de desconto em cada compra que ele efetuar a partir de x valor, após uma compra recentemente feita no seu e-commerce.
  • Dica prática: deixe visível o seu programa de fidelidade do site, além disso, arrume uma forma de potencializar, incentivando os clientes a se inscreverem.

6. E-mail Marketing Segmentado

Muitos falam hoje que o e-mail marketing morreu, mas se eu lhe disser que ele está mais vivo do que nunca.

Profissionais que comentam que o e-mail marketing chegou ao fim, não sabem como utilizar esta estratégia, ela funciona e muito.

Por isso, envie e-mails personalizados com ofertas exclusivas para seus clientes, com base no histórico de compras e interesses desses clientes.

Para isso, segmente as listas de e-mail e não gaste tempo, mandando e-mails aleatórios, eles precisam ser efetivos.

  • Exemplo: um cliente comprou sapatos femininos na sua loja, agora ele pode receber e-mails de novos lançamentos de sapatos femininos com estilos parecidos com a compra anterior.
  • Dica prática: utilize ferramentas de automação de e-mail marketing, como a RD Station Marketing para segmentar e enviar mensagens relevantes eficientemente.

7. Atendimento ao Cliente

O atendimento ao cliente é e sempre será um dos aspectos mais importantes de qualquer negócio, não adianta ter produtos ótimos, um site lindo, se o seu atendimento e a comunicação da sua marca é ruim.

Implemente chatbots para responder perguntas frequentes e oferecer suporte em tempo real, caso tenha uma demanda gigantesca de clientes.

No entanto, acredito muito no atendimento humanizado, ele sempre será “rei”, na minha opinião, sempre que puder evitar atendimentos com chatbot, faça isso.

De qualquer forma, um chatbot pode ser usado de formas mais inteligentes, veja como.

  • Exemplo: use o sistema de chatbot para ajudar os clientes a encontrar produtos no site, solucionar problemas comuns e rastrear pedidos.
  • Dica prática: treine o seu chatbot para fornecer respostas claras e encaminhar os clientes para um representante de atendimento ao cliente quando for necessário.

8. Avaliações e Comentários

As avaliações e os comentários dos clientes são muito importantes, isso ajuda a construir confiança e credibilidade.

  • Exemplo: deixar exposto, depoimentos de clientes satisfeitos nas páginas de produtos é crucial.
  • Dica prática: procure sempre incentivar os clientes a deixarem um bom depoimento de compra, responda os comentários e demonstre que você valoriza cada opinião dos clientes.

9. Ofertas por Tempo Limitado

Ah, meus amigos, o gatilho mental da escassez é poderoso e como é em.

Até hoje esse é um dos gatilhos que mais funcionam, porque ele traz a urgência e coloca na mão do cliente a responsabilidade de compra para agora.

  • Exemplo: crie ofertas de promoção por tempo limitado, faltam apenas 24 h, nas próximas 3 horas o preço voltará ao normal, esse tipo de promoção, use a criatividade.
  • Dica prática: use contadores de tempo, regressivo nas ofertas para destacar a urgência.

10. Cross-selling e Upselling

As estratégias de Cross-selling e Upselling funcionam muito bem, elas são a forma que a sua marca tem de indicar produtos relacionados.

  • Exemplo: se você vende roupas e o cliente está em uma sessão de blusas femininas, indique outros modelos de blusas no mesmo estilo e adicione acessórios como produto relacionado.
  • Dica prática: analise os padrões de compra dos clientes e personalize as sugestões de cross-sell e upsell, com base nos interesses principais.

Lebre-se que cada aplicação de técnica envolve detalhes pertinentes ao seu negócio, ao tipo de produto que você trabalha e ao seu público-alvo.

Conclusão

Em 2023, as técnicas de vendas online para e-commerce estão mais sofisticadas do que nunca.

Ao dominar essas estratégias fundamentais, construir uma experiência de compra excepcional, aumentar a visibilidade, conquistar a confiança do cliente e implementar as tendências atuais, você estará no caminho certo para alcançar o sucesso em seu e-commerce.

Lembre-se de que a adaptação contínua às mudanças do mercado é essencial para se destacar e prosperar no mundo do comércio eletrônico.

Portanto, comece a implementar essas técnicas de vendas online para e-commerce agora para colher os benefícios ao longo de 2023 e além.

Ah, e caso precisar de ajuda, conte com a nossa equipe especialista em e-commerce, nós trabalhos desde a criação da sua loja virtual, até a arquitetura do site e implementações de técnicas avançadas de SEO.

Inscreva-se
Notificação de
guest
0 Comentários
Feedbacks Inline
Ver todos os comentários
Rolar para cima

Espero que este artigo tenha te ajudado.

Se você quiser que minha equipe da Agência WWB o ajude a obter mais tráfego, basta agendar uma ligação agora mesmo.